Meio-dragões

Novo modelo para criaturas: meio-dragão. Originalmente (no Tormenta D20), eles recebiam um subtipo elemental e um talento metamágico elemental. Como não existem mais os caminhos elementais, tive que dar uma alterada, mas tentei manter o espírito original.

Dragões são conhecidos por sua capacidade de assumir diversas formas, muitas vezes relacionando-se com humanóides, especialmente humanos e elfos. Desta relação nascem os meio-dragões. Ler mais deste artigo

Nova Tamu-ra: O Conto dos Dragões Ryuu

Mais uma contribuição para a Iniciativa Tormenta da quinzena. Desta vez resolvi tentar algo novo, e escrever alguns mitos e lendas para Tamu-ra, um exercício que exigiu um pouco de inspiração nos mitos e lendas japonesas que ando lendo, e que pode fornecer uns bons ganchos e aventuras. O primeiro mito é sobre a origem dos Dragões Ryuu, espero que gostem. ^^

EDIT (05/11/10): Atendendo a pedidos, coloquei referências ao lado dos nomes tamurianos de deuses e lugares. Os nomes comuns artonianos estão no fim do texto. Ler mais deste artigo

Nova Tamu-ra: Dragões Ryuu

Tamu-ra era conhecida por ser a morada de dragões serpente poderosos e de coração nobre, muitas vezes assumindo posições de destaque no Império de Jade. O imperador Tekametsu era um dragão, bem como seus 4 xoguns. O próprio deus Lin Wu tem um dragão como avatar.

Estes são os dragões ryuu, que pouco lembram os dragões de Kallyadranoch, seja em aparência ou comportamento. De fato, parece não existir relação de parentesco entre as espécies. Neste caso a palavra “dragão” é apenas uma nomenclatura dada em função das poucas semelhanças entre tais criaturas, da mesma forma que um “cavalo-marinho” não possui relação com cavalos. Ler mais deste artigo